Palestrante comemorando sua conquista
APRESENTAÇÕES
VENCEDORAS
Design, comunicação, dicas e o dia a dia da Casulo
jan 03
0

O uso do storytelling na sua apresentação

Storytelling. Você já deve ter ouvido muito essa palavra, não é mesmo?  E você já procurou saber o que ela quer dizer? Acompanhe nosso texto e vamos entender seu significado e suas aplicações.

A palavra storytelling em sua tradução literal do inglês significa story = história e telling = ato de contar/falar, ou seja, significa “contar uma história”.

Hoje, é um recurso muito usado no marketing e nas apresentações como uma ferramenta poderosa para criar conexão com o público, pois, seja em uma parábola ou fábula, as pessoas se sentem reconhecidas e vêem seus próprios desafios nos personagens da narrativa.

Através do ato de narrar uma situação com personagens e acontecimentos, o ouvinte visualiza toda uma situação em sua mente e pode acompanhar sua apresentação de maneira mais profunda. Além disso, histórias encantam, emocionam, envolvem mais do que apenas dados e números.

Também é importante um bom conteúdo narrativo; elementos que despertem o interesse e mostrem riqueza de detalhes. 

Uma história bem elaborada também tem que ser coesa. Isso significa que o narrador deve atentar-se para que haja começo, meio e fim claros e interligados. As narrativas geralmente descrevem uma jornada, com erros e acertos, e devem ser sempre verdadeiras, para que passem credibilidade e autenticidade.

Ainda é possível combinar a narrativa com outros elementos como imagens e vídeos, aumentando a experiência visual e auditiva do seu público, deixando sua apresentação mais rica e aumentando a chance de memorização.

Além disso, é importante estar atento à sua voz, mantendo uma boa dicção e evitando falar muito rápido ou muito devagar, para que você seja bem compreendido.

“- Nossa, mas eu não tenho uma história pra contar!…” É aí que a maioria das pessoas se engana, pois, mesmo em uma apresentação técnica você pode explorar a narrativa, criando um cenário envolvente e sedutor.

Veja também: O poder da persuasão

Por exemplo, se você vai apresentar a área financeira, pode criar um contexto que conte a situação econômica do país para então introduzir o seu tema. Ou então mostrar como exemplo a experiência de uma empresa concorrente.

Sabendo disso, comece hoje mesmo a pensar sua apresentação no formato storytelling e ensaie para que suas técnicas narrativas sejam bem aprimoradas e veja as mudanças positivas que isso trará para sua comunicação!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sim, eu quero uma
Apresentação Vencedora

Entre em contato e agende uma reunião ou
preencha o briefing clicando no botão abaixo

Sim, eu quero um
Workshop da Casulo

Preencha o formulário e solicite um
workshop com quem entende do assunto:

Faça o briefing agora
  • *campos obrigatórios

  • *campos obrigatórios